top of page
  • falertn

Rio Inovation Week abre as portas para o Back2Black




Maior Conferência de Tecnologia da América Latina acontece de 03 a 06 de outubro no Pier Mauá


O Rio Innovation Week, que acontece de 3 a 6 de outubro no Pier Mauá, no Rio de Janeiro, vai contar com uma atração especial este ano: o palco Back2Black Festival. Este espaço se propõe a honrar as raízes da humanidade, abordando uma variedade de temas, como a cultura africana, racismo, sociedade, música, arte, literatura, inovação e visões de futuro. O objetivo é celebrar a cultura e promover a discussão de questões sociais e culturais.


Connie Lopes, idealizadora do Back2Black, destaca que o festival representa um movimento criativo que busca inspiração no passado para construir um futuro mais igualitário e inovador. Cada dia do evento será encerrado com um talk-show musical, com artistas como Chico Brown, Robert Hébert, Oku Piluka Sound System e Mulheres Pretas DJs.


A programação inclui debates sobre inovação na gestão cultural, racismo, ancestralidade, literatura, entre outros temas relevantes. Além disso, haverá apresentações musicais e publicações interculturais, promovendo uma rica troca de ideias e experiências.


O evento tem como objetivo não apenas promover a cultura e a inovação, mas também criar um espaço para o diálogo sobre questões importantes, como igualdade de gênero, direitos civis e ambientais. O Back2Black no Rio Innovation Week promete ser uma oportunidade única para celebrar a diversidade e explorar novas perspectivas para o futuro.


Saiba mais sobre o Rio Innovation Week - Outubro 2023 no final dessa matéria.



Serviço


Back2Black no Rio Semana de Inovação


Data: 3 a 6 de outubro


Horário: 11h às 19h


Local: Píer Mauá - Av. Rodrigues Alves 10


Ingressos pela plataforma Sympla.



Confira a programação completa



Programação Back2Black no Rio Innovation Week

Dia 3 de Outubro

11h - Abertura com MIGUEL VICENTE

O brilho do olhar de uma criança brincando com seu cavaquinho misturado a uma boa dose de talento, carisma e amor pela música: essa é a receita da mais nova paixão das redes sociais. O menino Miguel Vicente, de 11 anos, vem encantando uma legião de fãs ao cantar sambas e pagodes com uma baita desenvoltura.

11h30 às 12h30 - Inovação na gestão cultural - A potência das periferias com ALINE TORES (Secretária de Cultura da Cidade de São Paulo) e PAMELA CARVALHO (Educadora, Ativista e Coordenadora da Rede da Maré. Mediação Connie Lopes - criadora e diretora do Back2Black Festival

Pauta : Discutir novas formas de articular e mobilizar a cultura visando um alcance mais plural e inclusivo

15h às 16h - Racismo com CARLA AKOTIRENE (pesquisadora, autora e colunista no tema feminismo negro no Brasil, Baharela em Serviço Social, Mestra e Doutora em Estudos Interdisciplinares de Gênero, Mulheres e Feminismo pela Universidade Federal da Bahia. e KATIUSCHA RIBEIRO (filósofa brasileira, especializada em filosofia africana. Seu trabalho aborda o kemetismo, uma área do conhecimento que busca resgatar o pensamento e a religião do Antigo Egito, e o mulherismo africano, que busca restabelecer a emancipação da população negra).

Pauta: Racismo estrutural ou institucional? e vários temas ligados à mulher africana e afro-brasileira, religiões , costumes e educação.

17h30 às 19h - TALK SHOW MUSICAL “A música e a poesia” com CHICO BROWN (cantor, compositor e multi-instrumentista, filho de Carlinhos Brown e neto de Chico Buarque) improvisa melodias ao mesmo tempo que o escritor e poeta angolano ONDJAKI improvisa poesia que vai para o telão.

Ondjaki antes fala um pouco de sua poética improvisada e Chico interpreta algumas de suas composições, passando por composições de seu avô e pai.

Dia 4 de Outubro

11h às 12h - COMUNIDADE E INOVAÇÃO com CLAUDIO MIRANDA e FABIO MIRANDA do Instituto Favela da Paz de Jardim Ângela - São Paulo - Dois irmãos absolutamente fantásticos que usaram a música e a invenção de novas tecnologias de energias renováveis para criar um Instituto que propaga a cultura de Paz através de processos de conscientização ambiental e cultural

14h às 15h - A NARRATIVA, A POESIA, O COTIDIANO e O FUTURO com RODRIGO FRANÇA (diretor de cinema e teatro, ator, dramaturgo, filósofo, professor, articulador cultural, produtor, escritor, artista plástico e empresário brasileiro. É ativista pelos direitos civis, sociais e políticos da população negra no Brasil.) e RENATO NOGUERA (filósofo, escritor, professor e possui formação familiar griot)

16h às 17h - A ARTE FEMINISTA, PRETA E SOCIAL com PANMELA CASTRO (Artista visual, ativista, grafiteira, performer e educadora. Utiliza o graffiti como aliado em sua produção e ativismo em defesa dos direitos da mulher e da igualdade de gênero, retratando em murais rostos de personagens femininos duplicados, conectados e envoltos por elementos simbólicos. Reconhecida internacionalmente, seu trabalho, além da pintura e do graffiti, inclui performances, fotografia, vídeo, esculturas e instalações participativas) e CAROLINA LAUREANO curadora independente desde 2017. Em suas pesquisas, interessa discutir formas poéticas de habitar o mundo, a partir de uma perspectiva de gênero, étnico-racial e identitária, interseccionando esses temas comuma agenda decolonial ecológica, a fim de impulsionar ações para a construção de um futurosustentável, recriando novas formas de sociabilidade e reconfigurando as relações de poder.

17h30h às 19H - TALK SHOW - BOSSA NOVA, CHICAGO NIGHTS - ROBERT HÉBERT - produtor musical de Chicago investe na música brasileira há vários anos e falará sobre essa mistura de ritmos.

Trará uma banda que será comandada pela cantora brasileira MONIQUE ELLENA, numa apresentação que será pura magia – a sinergia do Samba Soul brasileiro, Chicago Soul e música pop internacional. A questão será apresentada de forma intercultural, com reverência, contexto e virtuosismo.

Dia 5 de Outubro

11h às 12h - Ancestralidade como caminho para um futuro sustentável e equânime com JONATHAN RAIMUNDO (Professor de História e Filosofia, historiador e produtor cultural. Morador de Realengo, idealizou o “Wakanda In Madureira” (@wakandainmadureira), projeto voltado para a cultura negra em Madureira, um dos bairros mais negros da cidade do Rio de Janeiro).

14h às 15h - RUSSO PASSAPUSSO (cantor e compositor baiano, é membro da banda BaianaSystem e alimenta as possíveis formas de fazer musica espontânea e verdadeira.) é entrevistado por TIAGO ROGERO (jornalista freelancer e roteirista, fundou o projeto QUERINO, um podcast super premiado

16h às 17h - COMO A LITERATURA PODE NOS PREPARAR PARA O FUTURO - com JOSÉ EDUARDO AGUALUSA (um dos mais importantes escritores de língua portuguesa da atualidade. É autor de romances, contos, novelas, livros infantis e peças de teatro. seus livros já foram traduzidos por mais de 25 idiomas e recebeu inúmeros prémios destando-se o The Independent e Dublin Literary. Agualusa acredita que os livros são um território de pensamento e a literatura é um exercício permanente de colocar-se na pele do outro) e MARCIAL GALA (premiado autor cubano, que escreveu um dos melhores e mais criativos romances da atualidade ME CHAMA DE CASSANDRA, publicado no Brasil pela Editora Globo).

Os dois escritores mediados pelo jornalista, pesquisador e escritor VAGNER FERNANDES iram debater o tema, como alguns livros parecem adivinhar o futuro e qual será o destino da literatura neste tempo em que vivemos de IA e vigilancia sobre as palavras.

17h30h às 19H - TALK SHOW com OKUPILUKA SOUND SYSTEM (uma banda constituída por africanos residentes no RJ que explora sonoridades africanas misturando música acústica e eletrônica em sets non-stop music. A banda tem na sua formação base o DJ/produtor Joss Dee, o saxofonista Andy Drummond e a cantora e guitarrista Cecília Marcos. Afrobeats, amapiano, afro house, kuduro, kizomba são os estilos mais explorados em suas versões originais ou remixadas.

Antes da apresentação musical farão um painel que começa com uma conversa sobre audiovisual, com Filó (videomaker), música com Cecilia Marcos (cantora) e comunicação com Yuran Tinta (influencer).

Dia 6 de Outubro

11h às 12h - MOVIMENTO BLACK MONEY com ALAN SOARES – CSO (Chief Sales Officer) e um dos fundadores do Movimento Black Money, juntamente com NINA SILVA, foi reconhecido pela ONU em 2020 como um dos afrodescendentes mais influentes do mundo, reconhecido pela África Lusofonia como um dos 100 integrantes da Powerlist em 2021, finalista do prêmio Empreendedor Social da Folha de SP. Alan é mentor e educador financeiro.

Irá palestrar sobre a HUB , como foi criada, as metas atingidas e as metas ainda a serem atingidas.

14h às 15h - UM OLHAR SOBRE O FUTURO NUMA PERSPECTIVA PRETA E DE GÊNERO com ERIKA HILTON (transexual, ativista e deputada federal mais votada do Estado de São Paulo) e RAQUEL VIRGINIA (Cantora, compositora, empresária e professora. indicada duas vezes ao Grammy Latino, é a primeira mulher trans a realizar esse feito. Raquel há anos contribui para a oxigenação e inovação da cultura brasileira. Nascida e criada na periferia de São Paulo, a tônica de sua vida é romper barreiras. Como empresária, em 2021, fundou a Nhaí!, uma agência de ideias que cotidianamente propõe ao ecossistema do mercado publicitário e de entretenimento um vínculo mais qualitativo e legítimo com a diversidade.)

16h às 17h - WAKANDA, A CIDADE DO FUTURO NO SENEGAL por AKON. (Ainda a confirmar)

18h - 19h30 - TALK SHOW com MULHERES PRETAS DJs

DJ TAMY e DJ AFROLAI serão entrevistadas pela comunicadora HANANZA

Melhores Djs pretas do Rio de Janeiro vão conversar sobre o movimento e a cena nos festivais, festas e baladas - avanços de desafios.

A conversa será seguida por uma batalha nas pickup.


O Rio Innovation Week 2023 tem patrocínio master da Prefeitura do Rio, da Confederação Nacional do Comércio do Bens, Serviço e Turismo e da CEDAE; incentivo ao esporte da Light e Secretaria de Esporte e Lazer do Governo do Estado do Rio de Janeiro; patrocínio prata da Eneva e Ticket Log, do grupo Edenred; patrocínio bronze da Bayer e Montreal; parceiros institucionais Pesagro-Rio, Proderj e Secretaria de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, Secretaria de Transformação digital e Secretaria de Turismo do Governo do Estado do Rio de Janeiro; com realização da Base Produções, LER Cultural, BR Produções, MMar e Sai do Papel.


Comments


banner internet niteroi 450 anos shows 300x250px 6 11 23.jpg
bottom of page