top of page

Morre Ziraldo, criador do Menino Maluquinho


Morreu neste sábado, aos 91 anos, o escritor, cartunista e jornalista Ziraldo, integrante do jornal O Pasquim e criador de um dos personagens infantis mais famosos do Brasil, o Menino Maluquinho. A informação foi confirmada pela família. Ele estava em sua casa, no Rio de Janeiro (RJ).


Ziraldo nasceu e crescem na cidade de Caratinga, localizada no Vale do Rio Doce, em Minas Gerais. Era o mais velho de sete irmãos. Formou-se em direito na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em 1957 e, no ano seguinte, casou-se com Vilma Gontijo. O casal teve três filhos. 


Ziraldo começou a desenhar na infância – a primeira publicação de um desenho seu aconteceu aos seis anos, no jornal Folha de Minas. De sua caneta, além do Menino Maluquinho, nasceram a Turma do Pererê, Bichinho da maçã e Os Meninos Morenos. É autor de Flicts, um clássico da literatura infantil brasileira.


O cartunista foi filiado ao Partido Comunista Brasileiro (PCB). Sua militância aconteceu principalmente via desenho.  No'O Pasquim, jornal de sátira fundado em 1969, fez parte de um grupo que incluía outros cartunistas de destaque, como Jaguar, Millôr Fernandes e Henfil. O semanário teve importância central na cultura brasileira nos anos da repressão, sendo um dos veículos mais combativos contra o regime.


Fonte: Brasil de Fato

コメント


banner internet niteroi 450 anos shows 300x250px 6 11 23.jpg
bottom of page