top of page

Niterói intensifica ações Contra o aedes aegypti em comunidades

(Foto: Lucas Benevides)

A Prefeitura de Niterói realizou mais um mutirão de medidas de prevenção e combate ao mosquito Aedes aegypti, atingindo as comunidades do Vital Brazil e Souza Soares nesta terça-feira (27). A iniciativa é parte das estratégias do Comitê Intersetorial de Acompanhamento e Monitoramento das Ações Integradas de Prevenção à Dengue, envolvendo diversas secretarias e órgãos municipais.


Anamaria Schneider, secretária municipal de Saúde, enfatizou a importância das ações educativas e preventivas na luta contra o mosquito, especialmente diante do aumento dos índices e casos confirmados em todo o Estado.


Durante a ação, 58 residências foram visitadas pela equipe do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), acompanhada pelos Agentes Comunitários do Programa Médico de Família. Entre os serviços prestados, destaca-se a colocação de capas de caixas d'água, uma medida crucial para evitar a proliferação dos criadouros do Aedes aegypti. No total, foram instaladas 33 capas de caixa d’água, sendo 15 no Vital Brazil e 18 na Souza Soares.

Waleska Ribeiro, Agente Comunitária de Saúde do Módulo Médico de Família Vital Brazil, ressaltou a importância do trabalho conjunto na conscientização dos moradores sobre as práticas para combater o mosquito.


Os moradores participaram ativamente da ação, trocando informações e dúvidas sobre a doença e métodos de combate. Adriana Costa Paiva, moradora da comunidade do Vital Brazil, destacou a relevância das ações educativas e preventivas na região, visando o bem-estar coletivo.


Além dos mutirões, a Prefeitura de Niterói mantém uma equipe de fiscais sanitários para vistoriar imóveis abandonados que possam propiciar a proliferação dos vetores. O Centro de Controle de Zoonose realiza um trabalho de rotina de prevenção e combate ao mosquito em toda a cidade, com cobertura de 205 mil imóveis e cerca de 300 servidores envolvidos diariamente.


Os moradores podem solicitar vistorias de focos de dengue através do aplicativo Colab, pelo telefone 99639-4251 e também pelo WhatsApp do Disque Dengue (21) 96955-0746.

Outra estratégia adotada pelo Município no combate à doença é o método Wolbachia, uma parceria com a Fiocruz e a WMP Brasil, que visa reduzir a capacidade de transmissão do mosquito.

Opmerkingen


banner internet niteroi 450 anos shows 300x250px 6 11 23.jpg
bottom of page