top of page

Advogado defende uma nova legislação que proíba a disseminação das fake news

Advogado avaliou o fenômeno das fake news e criticou O domínio das redes sociais, da internet, por setores conservadores e a disseminação do ódio pelas redes sociais

Na véspera de se completar 1 mês dos atos golpistas de 08 de janeiro, as fake news seguem confundindo a opinião pública. O que fazer diante da proliferação da mentira e do ódio nas redes sociais? Nesta terça-feira (07), o Radar Tempo de Notícias (RTN) entrevistou o advogado Luciano Tolla. No centro do debate, o perigo representado pela desinformação como método e o que se pode fazer para combater este problema.


Para Luciano, o uso das redes sociais por grupos conservadores ameaça não apenas o ambiente político, mas a convivência entre as pessoas.


"O domínio das redes sociais, da internet, por setores conservadores e de forma ardilosa e sofisticada, construindo as narrativas para poder disseminar mundo afora um novo modo operandis de influenciar não só o capital político das nações mas sobretudo a convivência harmônica entre as pessoas dentro dos lares, é de uma complexidade do meu ponto de vista, que requer uma atenção redobrada daqueles que certamente deveriam se debruçar nesta questão, disse Tolla.


Segundo fontes ouvidas pelo Radar Tempo de Notícias, o governo federal prepara um pacote que visa regulamentar as redes sociais, considerando as big techs como empresas de comunicação.


Entrevistado pelo jornalista Márcio Kerbel, no programa Capital Político, Luciano tratou de discutir o papel das redes de relacionamento, na veiculação de mentiras nas redes. Para o advogado, o Vale do Silício propagou o surgimento de novos ícones do conhecimento tecnológico, dentro do que ele observa ser uma nova revolução”. Segundo ele: "uma revolução da tecnologia da informação, da tecnologia da informática".


A veiculação de notícias falsas, no entanto, não é trabalho para amadores. Para Luciano há "milhares de indivíduos muito preparados a serviço dessa nova metodologia sofisticada de interferir em corações e mentes". Segundo o advogado, "se nós não tivermos a clareza de trabalhar, de construir alternativas passando por formação de quadros que se contraponham juntamente com uma legislação específica que venha a coibir a disseminação das inverdades, das fake news, nós estaremos remando contra a maré".


Produzido pelo Radar Tempo de Notícias, o programa Capital Político tem produção e apresentação de Márcio Kerbel e Rudá Lemos, com transmissão, toda terça-feira, às 20h, pelo Youtube e Facebook.


תגובות


banner internet niteroi 450 anos shows 300x250px 6 11 23.jpg
bottom of page